Mensagem de Natal

0

Mensagem de Natal

Queridos Todos!

E está a chegar ao fim mais um ano .. um fim que será também um recomeço e muitas novas oportunidades de nos revelarmos, superarmos e evoluirmos rumo à vida de paz e abundância que todos ansiamos.

Que virão desafios e bênçãos já todos sabemos.

A proposta é mantermos o centro perante cada um deles. Reconhecermos a mensagem em cada um deles. Sabermos usar a espada da Coragem e da Humildade com a mesma mestria. Lembrar que cada trás consigo a intenção de transformação e de nos desafiar a amar.

A Felicidade, o Espirito Positivo, a Fé, a Liberdade de sermos quem somos, a Gratidão e o Amor são responsabilidade nossa. São emoções e estados de espirito poderosos que só nós os podemos permitir que fluam em nós. São um acto de amor próprio. São uma escolha consciente onde finalmente nos “autorizamos” a senti-los sem culpa, sem medo, sem jogo. São uma conquista interior, discreta e invisível fruto de uma longa intemporal  batalha entre o nosso ego e a nossa Alma.

Nada tem a ver com algo ou alguém exterior a nós.

Enquanto não atingirmos este “Momento Sagrado”, enquanto não se acender esta “lâmpada” dentro de nós, enquanto estamos presos ao jogo com o “outro” dependentes e fechados em relações tóxicas de cobrança e manipulação, estamos a declarar tanto pública como pessoalmente; “eu ainda não me sei amar, e por isso faço TUDO o que for preciso para alguém me amar a mim”.

Ou seja, ainda não acreditamos que temos uma lâmpada ou que podemos acender a nossa lâmpada e por isso nos apegamos a quem acreditamos ter uma.

Na paisagem eterna das muitas vidas que vivemos ninguém sabe quando esse momento acontece. Quando se acende a lâmpada. Mas ele acontece, e isso é o que mais importa.

Sabermos que estamos a viver para esse momento, que tudo conspira para que essa magia possa acontecer dentro de nós, ajuda sem dúvida a tornar tudo mais fácil e a vivermos muito mais atentos ao que vem parar à nossa vida.

Esse é então o meu desejo.

Que se dê uma conspiração universal, que possamos criar uma revolução cósmica que irá ter como prioridade acender as lâmpadas pessoais de cada um e onde finalmente possamos sentir e viver o Amor como uma dádiva e não mais como uma carência.

Chegou o Tempo de dizermos *Eu Mereço* (re)acender a minha Luz…

Festas Felizes!!

Partilhe =)

Sobre o autor

Deixa um comentário

*

code