2023 * Ano Universal 7

0

2023 – Ano Universal 7

A Numerologia atribui a cada ano um número que corresponde à vibração a que a humanidade vai estar sujeita, durante os 365 dias, ou seja, num plano mais elevado ao nível do colectivo, estamos todos a ser convidados a trabalhar, no caso de 2023 as energias do número 7 que é soma dos números de 2023. 

Como qualquer arquétipo, o 7 tem um ponto de equilíbrio onde se revela nas suas mais belas qualidades e vibração superior e essa será a referência que devemos levar em conta. Mas como dita a lei da polaridade, podemos oscilar entre a falta e o excesso de cada energia a cada momento e daí conhecermos essa polaridade, ajuda-nos a evitar excessos e a manter o equilíbrio. 

É precisamente nesse “barco” que iremos estar a navegar todos, durante todo o 2023 e por isso é importante que saibamos como nos preparamos, qual a lição 7 por trás de todos os eventos que iremos viver, como evitamos os seus excessos e faltas para que o equilíbrio seja mais fácil.. 

O 7 no seu ponto de equilíbrio é o Arquétipo do místico, do mágico, do sábio, do filósofo, do estudante, do investigador, do intelectual.  A Astrologia e a Numerologia conjugam bem as suas duas necessidades; estudar, compreender Deus e o Universo e ganhar consciência pessoal e espiritual.
O 7 vem crescer, amadurecer, ganhar consciência das suas prisões internas e por isso representa a profundidade e a intuição, o apelo pelo escondido, oculto ou lado esotérico da Vida.
O 7 é o Mestre da busca do sentido espiritual da vida, da atração pelo mundo das energias, ou seja, da reconexão com o Divino e o plano da Alma. Cabe ao 7 a elevada proposta de dar mais uns passos no caminho da Mestria que vemos nos grandes sábios do mundo e por isso exige solitude, liberdade, humildade, reflexão pessoal, crescimento interior, confronto com as sombras internas e respectivos processos de  morte de um velho fundamentalista ignorante e renascimento para a sua vida interna, para a sua transformação pessoal e para se reconectar com o plano da alma.
Por ser um número imensamente profundo e intuitivo, gosta do seu espaço e silêncio, gosta de temas profundos e logo lida muito mal com a mentira e a superficialidade. Esperemos sempre verdades nuas e cruas da boca de um 7 mas que servem quase sempre de agulhas de acupunctura para uma qualquer sombra inconsciente dentro de nós.

O 7 quando está em falta, vive iludido com o mundo material, limitado pela ignorância espiritual, incapaz de dar sentido evolutivo à vida, preso na ilusão do corpo e da mente e das suas infinitas identificações e necessidades com o plano material, desconectado do seu mundo interno e e logo, incapaz de uma gestão saudável das suas emoções que tende a abafar. 

O 7 quando está em excesso, torna-se mentalmente inflexível, céptico, resistente a abordagens abstratas e filosóficas da realidade, incapaz de considerar moldes diferentes de viver e pensar, agarrado a conceitos superficiais e materialistas de vida, dono da sua razão e prisioneiro das suas verdades que tende a impor aos outros pela palavra como verdade absoluta.

O 7 para ser saudável precisa de manter uma mente aberta, permitir-se questionar tudo, a  começar por si mesmo, às suas verdades e aos condicionamentos inconscientes a que está preso e agarrado. Um 7 faz mais perguntas e menos afirmações, procura aprender, estudar, ler com a intenção de desconstruir a sua rigidez mental. Quando já está no bom caminho o 7 procura a experiência em vez do moralismo, assume a sua ignorância em vez da arrogância, é humilde em vez de prepotente, olha para dentro pois já não se ilude com o exterior, assume a responsabilidade por si e pela vida que escolheu ao invés de se vitimizar, culpar e exigir seja de quem for.  Por ser um número que representa as crenças e as verdades internas, não é raro o 7 passar por crises existenciais, por ter que mudar radicalmente a sua forma de pensar e questionar regularmente as suas verdades ou ficará prisioneiro de si mesmo.
Para ser saudável e inteiro, o 7 vem aprender que o verdadeiro Amor Próprio ou Valor Pessoal jamais passará pela via única do TER ou dependerá de alguém, mas será sim fruto da consciência e aceitação de si mesmo, dos seus talentos e defeitos, da responsabilidade pela sua energia, emoções e escolhas, de ser capaz de se reconectar com os outros sem medo, de forma transparente e de coração aberto. 

2023 Será pois um ano forte, principalmente para quem ainda viva muito desconectado do seu lado espiritual e ainda viva preso à ideia de que viver é apenas TER e FAZER.
O 7 é por excelência um número do SENTIR e por isso não é por acaso que lhe chamo o número da terapia pois é em anos, meses ou ciclos 7 que tenho observado o ser humano em confronto com a sua sombra, em enormes processos de transformação profunda, em crise existencial que apenas serve o propósito de se reconectar com a sua luz interna. Se o nosso 7 interno não está em bom estado, compromete toda a energia do poder e abundância assim como a nossa cura e harmonia com a vida.

Embora o 7 seja Ano Universal para todos, a nossa data de nascimento irá dizer como iremos aplicar as lições 7 na nossa vida pessoal. Para descobrires esse número, somas 7 + Dia nascimento + Mês de nascimento (sem o ano de nascimento) = Total que depois de somado reduz a um dígito.
Exemplo: nasceste a  23 / 10. Somas 7+2+3+1+0 = 13/4. 

Ou seja, vais ter que conjugar a proposta do 4 com a vibração Universal 7.
Deixo-te aqui um link para saberes mais sobre os outros números:

Obviamente isto é uma pequena curiosidade, mas sempre vai ensinando e convidando a maioria a estar mais atenta às energias. Não podemos esquecer que o nosso mapa tem dezenas de mensagens diferentes sobre nós, incluíndo os ciclos de tempo que estamos a viver no momento e o Caminho de Vida. O Ano Pessoal e Universal só fazem sentido quando aplicados aos desafios e propostas do nosso mapa e vistas num todo. Só assim podemos então montar o puzzle daquela que é a missão sagrada da vida presente.

Se queres aproveitar melhor o ano, perceber melhor a tua pessoa, a tua história Karmica, a tua missão, o teu momento presente, marca a tua consulta enviando email para veraluz@veraluz.pt 

Até já!
Vera Luz

 

Imagem de Anna por Pixabay

Share.

About Author

Leave A Reply