A Vénus na nossa Vida

2

O Amor próprio, a Valorização Pessoal e a Segurança Interior são das mais poderosas qualidades que o ser humano pode desenvolver. Desenvolver e trabalhar estas qualidades internas, é condição essencial para as conseguirmos materializar no mundo material através do amor, do dinheiro, dos prazeres, da abundância e do conforto.

Aliás, a famosa Lei da Atração está associada à nossa vibração pessoal que, dependendo da maneira como vibramos, nos amamos e valorizamos a nós próprios, nos faz chegar experiências com vibrações idênticas. Por reger o valor (interior) e a expressão do mesmo no exterior (dinheiro), podemos perceber pela conta bancária se nos andamos a valorizar ou a vender barato.

Qualquer uma destas qualidades é domínio da Deusa Vénus que se comum e romanticamente é apelidada de Deusa do Amor, eu gosto de vê-la como Deusa do Valor.
Até porque só amamos o que valorizamos, certo?

Vénus trata do amor, qualidade, exigência e cuidado na maneira como nos tratamos a nós próprios e como dizemos ao mundo que merecemos ser tratados. Vénus é a harmonia, a beleza, a arte bela, o equilíbrio, o luxo, as 5 estrelas, o gourmet, enfim, todos os prazeres da vida.  Por esta altura já deves ter pensado que a tua Vénus está em muito mau estado pois a maioria de nós está longe de manifestar o seu potencial. E não porque não merecemos viver comprazer e abundância mas sim e apenas porque ainda não aprendemos a trabalhar positiva e inteligentemente com ela.

Vénus é a tabela interna que cada um de nós define, consciente ou inconscientemente o que gostamos, o que merecemos, o que valorizamos e muito importante, o que permitimos ou não. É o grau de amor próprio, respeito pessoal e exigência que temos com a nossa pessoa, o nosso tempo, o nosso espaço, o nosso corpo,  o nosso dinheiro, as nossas tralhas e, claro, os nossos relacionamentos.
Vénus é a capacidade que todo o ser humano tem de activar o seu amor próprio, de fazer correr o Amor nas veias, de desenvolver a essencial capacidade de nos valorizarmos e amarmos a nós próprios, muito antes de chegarmos a qualquer relacionamento ou de acumularmos dinheiro no banco.

Como Deusa do Valor que é, e porque tudo é energia, Vénus dá-nos a capacidade de materializarmos exteriormente na forma de dinheiro e bens materiais o seu estado interior de valor interior. Por isso mesmo seja a abundância seja  a escassez, ambas as experiências são as polaridades da Deusa.
Infelizmente andamos hoje perdidos do seu convite básico e natural de manifestação “de-dentro-para-fora”, ou seja, quando eu tenho valor eu materializo, tentando forçar o fenómeno oposto “de-fora-para-dentro”, quando eu tenho no exterior, eu tenho valorizo-me no interior.
Além de extremamente difícil, o movimento contra-natura de “fora-para-dentro”, fracassa sempre.
Seja no milionário solitário e de coração vazio ou no sem abrigo que encontrou Deus e encheu o coração, ambos mostram que o equilíbrio que a Deusa nos pede, não é de todo fácil e que tanto as duras lições da abundância ou da escassez são muito mais profundas do que possamos imaginar.

Deste ponto de vista podemos então dizer que uma Vénus “Saudável” tem o poder de criar  naturalmente abundância e beleza na nossa vida tal como uma Vénus “problemática” e não integrada irá manifestar a escassez.

Uma Vénus poderosa sabe que o amor nasce dentro de cada um, é um estado de SER e como tal é uma dádiva, uma fonte interna, jamais uma exigência.
Consciente do seu movimento natural de amor e valor, uma Vénus consciente não ficará muito tempo perto de fontes secas, Vénus pobres que ainda estão no movimento de sugar quem as rodeia. Uma Vénus saudável jamais reclama amor ou valor visto ela ser a fonte de si mesma, mas retira-se quando sente que está a ser sugada.

Como sabe que tem a capacidade de ser auto-suficiente, uma “Boa” Vénus jamais dependerá do outro para se nutrir. E porque valoriza o seu maravilhoso néctar dos Deuses, irá apenas oferecê-lo a quem se mostre merecedor e já conheça a Reciprocidade. Uma Vénus “Fraca” irá cobrar, exigir e manipular revelando assim a sua secreta carência e falta de valorização interna.

Uma maneira que temos de analisar em que estado anda a nossa Vénus é precisamente a perceber que frequências de outras Vénus andamos a atrair.
Independentemente do que o nosso ego nos faz acreditar sobre a nossa Vénus, o que gira à nossa volta nunca estará longe da representação da nossa.
Os conflitos, guerras, corrupção, materialismo e falta de amor que vemos no mundo mostra o quão longe  ainda estamos de manifestar o maravilhoso potencial da Vénus, ao qual só acederemos pela via do Amor, da harmonia, da cooperação, do respeito, do equilíbrio e da paz.  A falta de amor que sentimos no mundo mostra o estado de amor que temos por nós próprios, e por mais que nos choque a ideia de que estamos pior do que pensamos, mostra também  o importante que é curar esta energia. Primeiro em nós e depois contribuindo para o colectivo.

Outra maneira ainda mais poderosa de analisarmos a nossa Vénus é através da auto-validação profunda, honesta, real da consciência que temos no que toca ao nosso valor. Por exemplo, apenas no que respeita à tua frequência geral de amor próprio, atribui-te um numero de 0 – 10.
Cuidado pois o nosso ego tende a avaliar alto mas a alma sabe bem onde estamos… Importante mesmo é definirmos o nosso número pois tendo consciência dele, facilmente resistiremos às ilusões exteriores, tanto de quem nos vê abaixo ou acima do mesmo.

Partindo então desse numero, real e honesto para ti, questiona o que tens feito para o aumentar. Procura “ganchos”, entraves, desculpas, mentiras pessoais, crenças e ilusões que a impeçam de ser a mais elevada versão da tua Vénus. Esse número é fruto de uma “Boa” Vénus ou de uma Vénus “Fraca”? Aproveita para ler estas perguntas e deixa que as respostas surjam;

  • Amo-me a mim mesmo?
  • Reconheço os meus defeitos e incapacidades e procuro transformá-los e superá-los?
  • Valorizo os meus talentos e qualidades e invisto neles?
  • O meu bem estar depende de alguém?
  • Como reages quando alguém te desvaloriza?
  • A palavra amor ainda está relacionada com alguém?
  • Já pensaste no que significa Amor-Próprio?
  • O dinheiro que ganho corresponde ao que sinto que mereço?
  • Onde e com quem ainda cobro respeito, amor, atenção, valor?
  • O que faço por simples prazer?
  • O que faço quando algo ou alguém condiciona o meu bem estar, o meu valor e prazer de viver?

Alguns Mantras da Vénus;

  • Eu Mereço Melhor!
  • Eu Amo-me e aceito-me incondicionalmente!
  • Viver é um Prazer!
  • Eu contribuo para a Vida!
  • Eu Sou auto-suficiente
  • Eu liberto toxidade, desarmonia, cobrança,
  • Reciprocidade é um valor essencial
  • Tu juntarás os teus das tuas aprendizagens

Porque nos desconectámos desta capacidade de nos amarmos a nós próprios, porque perdemos a noção de como resgatar este poder interior, porque ninguém ensinou ou incentivou a activar esta fonte de amor, prazer e valor interior, começámos a ir em busca lá fora no mundo, nas tralhas, no dinheiro e nos amores, projectando e exigindo dos outros o que nós próprios ainda não activámos, tornado-nos assim presas fáceis e ingénuas da ideia de amor/valor na forma de TER. Enquanto não reconhecermos que o amor jamais estará em algo ou alguém, não seremos iniciados na elevada propostas de amor = SER da Vénus.

Aprender a Amar, sempre foi, é e sempre será a Grande Aprendizagem do Espirito na matéria e logo todo o tipo de amor inferior, sem qualidade, manipulado, exigido, comprado e dependente de fontes exteriores irá ser regularmente identificado e posto em causa para que possa então dar lugar a versões mais elevadas, saudáveis, inteligentes e verdadeiras de amar. O Signo e Casa astrológica onde está a tua Vénus Natal te mostrará o que viste aprender a valorizar a esta enarcarnação, como trabalhar o teu Amor próprio e valorização pessoal. Deixo algumas dicas sobre cada Signo:

  • Vénus em Carneiro – Vem aprender a ser impulsiva, competitiva, independente, a agir com iniciativa própria, autónoma e corajosa. Desporto, movimento, conquistas são formas de valorização e de trabalhar o amor próprio. Deve resistir aos exageros brutos e agressivos que possam prejudicar quem a rodeia.

 

  • Vénus em Touro – Vem aprender a valorizar a auto-subsistência, tirar prazer de viver e explorar os 5 sentidos como por exemplo apreciar a boa comida, gerir dinheiro, criar a sua própria estrutura, apreciar a beleza da arte nas suas várias formas, trabalhar a segurança e a estabilidade. Deve resistir à extrema passividade e ao materialismo.

 

  • Vénus em Gémeos – Vem aprender a valorizar a sociabilidade, interação de igual para igual, curiosidade, estudo, comunicação, aprender e ensinar, diversidade, ou seja, as várias formas de criar pontes de ligação de informação e relação. Deve resistir à superficialidade e dispersão.

 

  • Vénus em Caranguejo – Vem aprender a valorizar a capacidade de cuidar e nutrir-se emocionalmente a si mesma, de criar a sua própria estrutura emocional, de usar os seus dons e talentos maternais tanto profissionalmente como em relações familiares, resistindo sempre à tentação do apego e de se manter em estados infantis de cobrança e dependência.

 

  • Vénus em Leão – Vem aprender a valorizar a sua identidade, os seus talentos e criatividade, a sua necessidade de ser e fazer diferente dos outros, de ser livre, de resistir a seguir o rebanho.  Vénus em leão vem aprender a sair do anonimato, a superar a timidez e a atrever-se a ser uma fonte de alegria e criatividade onde quer que vá, sempre resistindo à tentação do exagero ou mesmo do narcisismo.

 

  • Vénus em Virgem – Vem aprender a valorizar a organização, a exigência, o auto-aperfeiçoamento, o detox, a limpeza, o serviço e a ordem tanto dentro como fora de si. Vénus em Virgem vem descobrir que Deus está em tudo, em todos e por isso ela ama e integra o perfeito e o imperfeito em si mesma, nos outros e no mundo. Deve resistir à busca da perfeição e controle exagerado.

 

  • Vénus em Balança – Vem aprender a valorizar a diplomacia, a arte da relação, a reciprocidade, a paciência e tolerância. Esta Vénus tende a resistir ao conflito mas vem perceber que ao dizer “sim” ao outro pode estar a dizer “não” a si mesma, que a harmonia que deseja não é algo entre si e outro ou o mundo mas sim um estado interno, vem desenvolver a coragem de dizer sim ou não ao mundo de acordo com as suas próprias necessidades.  Deve resistir ao excesso de passividade ou permissividade assim como a dependências tóxicas.

 

  • Vénus em Escorpião – Vem aprender a valorizar a verdade nua e crua, vem descobrir as energias que se escondem por trás da rotina do dia a dia, o que faz afinal o mundo girar e as coisas acontecerem. Este Vénus vem sentir tudo intensamente, vem aprofundar e descobrir o mundo invisível, vem aprender a viver corajosamente a partir de dentro, das suas paixões e vontades. Deve resistir a jogos de manipulação e dependências, principalmente amorosas.

 

  • Vénus em Sagitário – Vem aprender a valorizar a busca do sentido da vida, o estudo e conhecimento, a encontrar respostas ás perguntas existenciais, a expandir o seu mundo tanto interno como externo. Esta Vénus está feliz a aprender sobre as leis cósmicas, a viajar para culturas distantes, a descobrir a sua própria verdade e caminho espiritual. Deve resistir à rigidez mental e à arrogância de achar que só a sua verdade está certa.

 

  • Vénus em Capricórnio – Vem aprender a valorizar a maturidade, o sentido de responsabilidade pessoal, a capacidade de assumir a sua vida e o seu crescimento interior, libertando-se de apegos e dependências que a impeçam de amadurecer. Esta Vénus vem descobrir que a “sorte, faz-se” com trabalho, esforço, responsabilidade e empenho. Que as ações geram consequências, que a sorte e azar não existem. Deve resistir ao autoritarismo, seja ele exercido sobre os outros ou dos outros sobre si e à vitimização!

 

  • Vénus em Aquário – Vem aprender a valorizar a liberdade, a individualidade, a coragem de se atrever a ser e a fazer diferente de quem a rodeia e a lidar positivamente com o julgamento e a rejeição dos outros. Esta Vénus vem descobrir que cada um tem o seu caminho, o seu propósito, as suas prioridade e valores únicos e que ninguém saberá o que é melhor para nós. Por isso mesmo o desapego, a liberdade e a autonomia são importantíssimos para cumprir o seu caminho e não se perder nas expectativas dos outros. Deve resistir ao conservadorismo e a esconder-se atrás de grupos.

 

  • Vénus em Peixes – Vem aprender a valorizar a espiritualidade e a humanidade em si e nos outros e por isso a empatia, a tolerância, a capacidade de aceitar o diferente, o imperfeito e de ver Deus em tudo e em todos fará parte da proposta. Vénus em Peixes vem descobrir que a vida É uma viagem de evolução espiritual que implica rendição ao projeto pessoal. Para isso terá que libertar as suas resistências, curar as suas feridas, pacificar os seus ressentimentos e descobrir que afinal todos os desafios estavam alinhados com o seu projeto de evolução pessoal. Deve resistir à vitimização e à idealização de pessoas e da vida no geral.

Deixemos então a Deusa fazer o seu trabalho de nos revelar como acedermos à mais elevada versão de nós próprios e para isso teremos que permitir que ela nos leve ao submundo, nos liberte de velhas e podres prisões Karmicas que ainda enferrujam o nosso brilho. Não é raro por isso sentirmos lembranças de tempos antigos em que a nossa Vénus não se valorizava para que os possamos actualizar e reconhecer o imenso trabalho que já fizemos entretanto assim como o tanto que ainda temos por fazer.
De 18 em 18 meses, durante 40 dias e 40 noites ou sempre que a nossa Vénus é visitada por trânsitos pontuais, iremos ser convidados a perceber, sentir, reconhecer, atrair pistas, sinais e sincronias do estado interior da nossa Vénus.

Tudo o que irá doer obviamente não tinha qualidade.
Tudo o que irá sair, terá algo melhor à espera.
Tudo o que irá chegar será um teste.
Tudo o que é puro e verdadeiro, irá sobreviver e ganhar ainda mais poder e valor.

Love YourSelves Always!

Vera Luz

 

Imagem de WikiImages por Pixabay

Partilhe =)

Sobre o autor

2 comentários

  1. Paola Timboni Alano em

    Parabéns pelo Texto! SUPER LÚCIDO e foi um dos textos mais esclarecedores que li!!!! <3 <3 <3

Deixa um comentário

*

code