#DiadaMulher

0

#DiadaMulher <3

Já há algum tempo que queria expressar a minha gratidão a todos os que de várias maneiras acarinham o meu trabalho e me ajudam a crescer, tanto dentro, como fora de mim. Seja comprando os meus livros e recomendando o meu trabalho, seja simplesmente partilhando os meus posts, cada partilha faz-me acreditar que fui capaz de tocar a alma de alguém e isso é o mais importante. Hoje tornou-se o dia perfeito para o fazer em especial às Mulheres.
Claro que os homens têm um lugar muito especial no meu coração pela coragem de saírem da zona de conforto e mostrarem um pouco de fragilidade, assumindo as suas dores e inseguranças e corajosamente sabendo pedir ajuda e propondo-se a crescer interiormente. A esses os meus parabéns e a minha gratidão pela coragem e pelo voto de confiança.

Mas hoje é o dias das Mulheres. O dia da tribo Feminina a que pertenço e por isso mesmo a quem tenho um carinho muito especial.
Conhecemos bem da história que nem sempre a Mulher foi dignificada. Aliás quantos seres humanos, homens e mulheres ainda hoje não o são. Mas hoje é o dia da Mulher e quero aproveitar para festejar o caminho que cada uma de nós tem percorrido, celebrar a maravilhosa, sensível e sábia energia que carregamos connosco.

Passam por mim todos os dias mulheres fortes e frágeis, sensíveis e independentes, mais ou menos práticas, mais artísticas ou mais matemáticas, mais ou menos alinhadas com o seu propósito, mas todas em comum a aprender, a crescer, a amadurecer, a curar e a resgatar dentro de si o que durante muito tempo ficou esquecido; o nosso poder pessoal!
Umas já resgataram o seu equilíbrio e poder interior e são hoje maravilhosas inspirações que nos fazem acreditar que é possível e que a mulher é muito mais capaz do que ela própria acreditou durante tanto tempo. Outras estão ainda no processo de tomada de consciência, a perceber pela primeira vez que têm direito à sua escolha e à sua liberdade de serem quem são e de seguirem caminhos e verdades diferentes daquelas que os outros esperam de si.
Todas em comum temos o potencial e a responsabilidade de honrar e dignificar a nossa energia feminina que tanta falta tem feito ao mundo nos últimos séculos de domínio da energia masculina.

Quero por isso dizer que é importante que reclamemos pelo respeito e pelos mesmos direitos, mas tenhamos cuidado com conceitos de igualdade pois nós não somos nem seremos nunca, iguais aos homens. E o poder de cada energia está precisamente na diferença de cada uma.
Feminino e Masculino são energias presentes dentro de todo o ser humano e cada parte tem o seu propósito na nossa evolução. A responsabilidade de cada mulher, como embaixatriz do elemento feminino, é nos dias de hoje, encontrar dentro de si um lugar de paz onde tanto o seu lado intuitivo e sensível como o seu lado prático e responsável podem coexistir confortavelmente. E isso só é possível quando libertarmos padrões negativos de fraqueza, submissão, anulação, falta de autoridade e responsabilidade pessoal.

Tenho sido testemunha de transformações maravilhosas, de mulheres que viraram mesas, que se atreveram a reclamar o seu direito de serem felizes, que reconquistaram a sua autonomia a todos os níveis, que provaram e provam todos os dias que somos muito mais fortes e poderosas do que imaginamos, que se dedicam ao que o seu coração lhes pede, seja criar uma família, seja a percorrer uma carreira, seja a ajudar o mundo.
A todas, um abraço de Gratidão pela inspiração e um enorme sorriso de orgulho! Continuemos todas a honrar a nossa diferença e a sermos uma fonte de amor próprio capaz depois de partilhar esse mesmo amor com o mundo.

Bem Hajam <3
Vera Luz

Partilhe =)

Sobre o autor

Deixa um comentário

*

code