A Lei da Atração

0

Todos os dias vem ao de cima nas consultas a Lei da atração.
Embora o próprio termos diga tudo, a verdade é que a maioria ainda não percebeu o conceito, ainda não sabe aplicar ou reconhecer este fenómeno cósmico na sua vida diária.

Para a maioria a Lei da Atração é o controle sobre a forma de pensar e atrair o que queremos. Mas como explicamos quando atraímos o que não queremos?

Se ainda te apanhas a criticar quem te rodeia, se ainda te achas superior ao ponto de julgar atitudes ou comportamentos menos nobres das pessoas à tua volta, se ainda não percebeste o papel positivo ou negativo das pessoas que tens na tua família ou no teu trabalho, é porque ainda não percebeste a lei da atração!
E enquanto não percebemos a lei da atração, a tendência geral é julgar, criticar, acusar, condenar o que nos rodeia, reações de projeção que não só não resolvem problemas como criam afastamento e ainda mais inconsciência do importante papel dos outros e das circunstâncias que nos rodeiam na nossa vida.

O princípio da Lei da Atração diz que cada um de nós atrai no exterior frequências iguais à sua interior.

Mas como isso é possível se fui roubada e nunca roubei? Se fui abusada e nunca abusei? Se a minha melhor amiga é confiante e corajosa e eu sou insegura e medrosa?

– Porque a nossa essência é dual!

Porque somos a sombra mas também a Luz.

Porque somos memória mas também sonho.

Porque tanto podemos escolher pelo medo como podemos escolher pelo amor.

Porque metade de nós é passado até de outras encarnações e a outra metade de nós é futuro ou potencial de mudança.

Quem somos hoje não é um produto final ou sequer fruto da educação dos pais. Quem somos hoje é um momento no tempo. Um slide num filme. Um episódio numa novela. Uma viagem permanente sempre sujeita a duas condições;
libertar a bagagem do que já vivemos e sermos capaz de abraçar os sonhos e anseios do que queremos ainda viver.

Somos o passado e o futuro no momento presente.

E como podemos conhecer melhor esse passado ancestral que já não lembramos? ou como podemos adivinhar que anseios são esses que a nossa alma carrega?

A Lei da Atração ajuda trazendo para a nossa realidade representantes de ambos.

Respeitando a Lei da Atração iremos reconhecer que ela traz à nossa realidade vibrações idênticas da nossa própria dualidade. Por mais que gostássemos de fugir ou evitar o mal e de conseguir apenas viver rodeados do bem, toda a gente está sujeito à dualidade: bem e mal independentemente das suas circunstâncias.

Mas o bem e o mal não são obra do acaso ou da sorte e do azar. O bem e mal que atraímos nada mais são do que consequências das nossas próprias escolhas passadas feitas com ou sem amor, conforme o estado de consciência que tínhamos.

E se a vida nos deu e dá a cada momento a livre escolha de agirmos por medo ou por amor, aprisiona-nos nas consequências dessas mesmas escolhas.
Tenham elas sido feitas nesta ou noutras encarnações.

A Lei da Atração é simples então.

Diz-me o que tens atraído e eu dir-te-ei o que fizeste.

E sim, todos já escolhemos mal, todos já escolhemos pelo medo, todos já conhecemos as consequências de escolher sem amor e por essa mesma razão estamos mais perto do que nunca de aprender a escolher com qualidade.

Quando te responsabilizares sobre o que fizeste, estarás então livre para um novo e mais leve patamar de experiências!

Como podemos então usar a Lei da Atração a nosso favor?

Que cada escolha que façamos leve em conta o nosso equilíbrio, a nossa saúde, a nossa autonomia, a nossa verdade, o nosso bem estar interior e poder pessoal para que possa então gerar consequências na mesma vibração desse amor próprio na forma de abundância e oportunidades.

Se o critério das tuas escolhas for o equilíbrio e elevação da tua vibração pessoal, não tens que temer mas sim ansiar pelas consequências positivas dessas escolhas feitas com amor e qualidade.

Se as nossas escolhas partem do medo, do controle, da arrogância, da carência, do ego, do ciúme ou da vitimização, elas irão ainda gerar consequências na mesma vibração na forma de perdas.

Se queres perceber mais sobre a tua energia e o que ela te tem feito atrair para a tua vida, eventos, circunstâncias e pessoas, marca a tua consulta através do email;

veraluz@veraluz.pt ou telefone 967988990

Mais informações neste link:

Orientação Espiritual

Abraço e até já!
Vera Luz

Partilhe =)

Sobre o autor

Deixa um comentário

*

code